Rua Ewbank da Câmara, 122Madureira - Rio de Janeiro/RJ(21) 97167-2331(21) 2454-7171(21) 2489-9156

Olhos lacrimejando: o que pode ser?

Janeiro 20, 2021 by Centro de Catarata0
Centro-de-Catarata-BLOG-Olhos-lacrimejando-1.jpg

As lágrimas são um elemento fundamental para o bom funcionamento das estruturas  oculares. Mas, se elas aparecem em abundância, os olhos lacrimejando em excesso  podem ser sinal de problemas mais graves. 

O ideal é investigar o que pode estar causando esse desconforto e realizar o tratamento  adequado, caso necessário. 

Quer saber quais fatores podem estar associados à condição? Siga a leitura! 

É normal ficar com os olhos lacrimejando? 

Primeiramente, é preciso entender que lacrimejar é uma ação natural de limpeza e de  proteção dos olhos a lesões decorrentes de micro-organismos e substâncias estranhas.  

As lágrimas são formadas por água, sais minerais e lipídios, que têm como função manter  os olhos lubrificados e livres de impurezas, como poeira ou pequenos grãos-de-areia. 

Assim, lacrimejar nada mais é do que uma condição comum, sem riscos algum para a  saúde dos olhos. No entanto, quando a pessoa fica lacrimejando em excesso e com  frequência, pode ser sinal de que algo não está certo, indicando a presença de uma  inflamação, por exemplo. 

Quando a condição persiste, o ideal é consultar um oftalmologista para investigar as causas  e descartar ou tratar qualquer problema que possa estar associado.  

O que pode causar os olhos lacrimejando?  

Quando piscamos, espalhamos as lágrimas que mantêm os olhos umedecidos. Se os olhos  ficam lacrimejando sem parar, significa que um excesso de lágrimas está sendo produzido,  sobrecarregando o canal lacrimal.  

Veja uma lista de fatores que podem contribuir para a condição:  

Conjuntivite 

Uma das razões mais comuns para o lacrimejamento é a conjuntivite.

Ela é uma inflamação da conjuntiva, a membrana que reveste a pálpebra e se retrai para  cobrir a parte branca do olho (esclerótica).  

Essa inflamação pode surgir por diversos fatores: vírus, bactéria, alergia, trauma, produtos  químicos, entre outros. Na maioria dos casos, o problema ataca os dois olhos, podendo  durar de uma semana a 15 dias sem deixar sequelas. 

Mas, fique atento! Algumas formas de conjuntivite podem comprometer a córnea e causar  danos à visão, apresentando necessidade de um tratamento oftalmológico mais complexo.  

Alergias 

As alergias respiratórias podem se manifestar quando as vias aéreas entram em contato  com substâncias como poeira, pólen, mofo, pelos de pet ou outras substâncias alergênicas. 

Uma das reações mais comuns é o lacrimejamento nos olhos, acompanhado de sintomas como coceira na região e no nariz, espirros, dor de cabeça, nariz escorrendo, entre outros. 

O uso de alguns medicamentos 

O uso de certos medicamentos podem alterar a produção ou a composição das lágrimas.  

Fármacos como pílulas anticoncepcionais, antidepressivos, anti-histamínicos, diuréticos e  remédios para hipertensão podem aumentar o ressecamento dos olhos e ativar o  mecanismo de compensação em excesso. 

Outros fatores que podem deixar os olhos lacrimejando: 

– Condições climáticas (vento, frio e sol)  

– Luzes muito brilhantes 

– Poeira 

– Poluição do ar 

– Lesões nos olhos 

Como tratar o problema? 

A partir do momento em que você identificar o lacrimejamento excessivo e frequente dos  olhos, o ideal é dar atenção a essa condição e procurar ajuda de um oftalmologista. 

O especialista pode investigar as causas do problema e diagnosticar corretamente o que  pode estar causando o desconforto. 

Em alguns casos, os olhos param de lacrimejar naturalmente, sem a necessidade de  grandes intervenções. Ao sentir esse incômodo, não utilize soro fisiológico ou colírio por  conta própria, pois pode se tratar de uma inflamação e irritar ainda mais os olhos. 

É importante ressaltar que a automedicação pode causar complicações e agravar o quadro  de uma doença. Qualquer medicamento precisa ser prescrito por um médico.

Você está sofrendo com olhos lacrimejando? Não espere o problema se agravar e procure  um oftalmologista que possa te ajudar. 

Conte com o Centro de Catarata Madureira 

O Centro de Catarata Madureira tem como missão promover a reabilitação visual por meio  de tratamentos oftalmológicos clínicos e cirúrgicos de excelência, aliando confiabilidade,  estrutura moderna, tecnologia e atendimento humanizado para cuidar de você e toda sua  família. 

Nossos especialistas oferecem suporte completo em todo o processo de tratamento,  garantindo a plena recuperação e segurança dos pacientes. 

Cuide da saúde dos seus olhos e enxergue a vida com mais beleza. 

Entre em contato clicando aqui e agende uma consulta.


Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *


Compromisso com os fundamentos técnicos e científicos da oftalmologia, com ética, honestidade, transparência e atendimento humanizado.

Horário de atendimento:
Seg – Sex: 8h às 18h;
Sáb: 8h às 12h.

Responsável Técnico:
Rodrigo Carvalhosa Ramos
/ CRM – 5266090-6

Contato e Localização

Contato e Localização
Rua Ewbank da Câmara, nº 122

Madureira – Rio de Janeiro/RJ

Telefone: (21) 2454-7171 / (21) 2489-9156
WhatsApp: (21) 97167-2331

As informações em nosso site tem caráter meramente informativo e não substituem as orientações do seu médico.

Todos os Direitos reservados • Desenvolvido pela Agência KOS

Open chat